Turismo garante saltos nos serviços

Turismo garante saltos nos serviços

Em São Paulo, o segmento acumula avanço de 10,7%

124
0

O faturamento real (descontada a inflação) acumulado até julho do segmento de Turismo, hospedagem, eventos e assemelhados em São Paulo teve alta de 10,7%, para R$ 4,5 bilhões, na comparação com o ano passado. É um dos dois melhores resultados do setor de Serviços e perde apenas para o de Saúde, que cresceu 20,0% ante janeiro-julho de 2015. Ambos se destacam porque entre 13 segmentos analisados, nada menos de 10 tiveram desempenho negativo.

Os dados são da Pesquisa Conjuntural do Setor de Serviços (PCSS), elaborada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) com base em dados fornecidos pela Secretaria Municipal de Finanças e Desenvolvimento Econômico.

Em julho, segundo a pesquisa, o faturamento real (descontada a inflação) de todo o setor de serviços na capital foi de R$ 22 bilhões, 2,5% abaixo do mesmo mês do ano passado. A área de turismo, hospedagem, eventos e assemelhados, no entanto, cresceu 28% na mesma comparação, embora tenha recuado 10,3% em relação a junho.

O município de São Paulo tem uma participação de aproximadamente 20% da receita total do setor de Serviços no País.

Fonte: Fecomercio SP

DEIXE UM COMENTÁRIO