Resultados da Bunge decepcionam

Resultados da Bunge decepcionam

Empresa registrou perdas tanto na receita quanto no lucro

197
0

A Bunge, uma das lideres mundiais do agronegócio, teve um lucro líquido de US$ 745 milhões em 2016, 5,8% abaixo do de 2015. A receita líquida também caiu, 1,18%, para US$ 42,9 bilhões.
Os dois principais segmentos de negócios, Agronegócios e Óleos – 70,3% e 16,0% do faturamento respectivamente – tiveram mau desempenho. No primeiro, a receita recuou 3,36%, para US$ 30,2 bilhões; no segundo 2,54%, para US$ 6,86 bilhões. As vendas da divisão de Açúcar e bioenergia aumentaram 10,6% para US$ 3,8 bilhões e as de Fertilizantes subiram 4,4%, a 403 milhões.

Para 2017, a Bunge prevê forte crescimento. O principal motivo para o otimismo são as prometidas safras recordes na América do Sul, descontando as colheitas decepcionantes do ano passado. Além disso, a companhia anota melhora nas margens de processamento de soja, principalmente na América do Norte e Europa, que foram ruins em 2016.

DEIXE UM COMENTÁRIO