Preço interno do café fica estável

Preço interno do café fica estável

65
0

Os preços do café em 2016, no mercado interno estão superiores aos de 2015 e vêm se mantendo relativamente estáveis neste primeiro semestre, com alta para as variedades arábica e robusta no final de junho passado, causada pela valorização do real, de acordo com o Informe Estatístico do Café, do Ministério da Agricultura.

As exportações também ficaram estáveis no primeiro período. Foram embarcadas 16,3 milhões de sacas, produzindo receita de US$ 2,4 bilhões no período. Devido à queda de preços, essa receita foi inferior em 24,4% quando comparada à do primeiro semestre de 2015. O volume de sacas exportadas até junho caiu 8,1%.

Segundo a estimativa realizada de maio da Conab, a produção brasileira de café deve ficar em 49,7 milhões de sacas na safra 2016/2017 – 40,3 milhões de sacas da variedade arábica e 9,4 milhões da robusta.

DEIXE UM COMENTÁRIO