Impostômetro chega a US$ 1,1 trilhão

Impostômetro chega a US$ 1,1 trilhão

88
0

A Associação Comercial de São Paulo (ACSP) informou que o Impostômetro – que mede taxas, impostos e contribuições pagos pelos brasileiros – atingiu R$ 1,1 trilhão às 14h18 da última sexta-feira, 22. No ano passado a mesma marca foi

registrada em 20 de julho.

“O governo precisa se esforçar para organizar o orçamento, controlar gastos e rever despesas de maneira célere. Somente assim será possível reduzir os juros e reativar a economia, o que iria melhorar a arrecadação. Não é aceitável elevar ainda mais a carga tributária brasileira, que é a maior entre os países emergentes. Isso agravaria a recessão e, consequentemente, a receita fiscal”, comentou Alencar Burti, presidente da ACSP.

Segundo Burti o fato de o Impostômetro ter chegado a R$ 1 trilhão com seis dias de atraso, e a R$ 1 trilhão com apenas dois dias de diferença em relação a 2015, pode sugerir que a recessão esteja perdendo força.

Fonte: ACSP

DEIXE UM COMENTÁRIO